BEFORE WATCHMEN


Não teve jeito. Wathcmen não será mais “única”.

Você, claro, já sabe que a DC decidiu seguir em frente, com projetos relacionados aos personagens eternizados por Alan Moore e Dave Gibbons.

As equipes criativas são excelentes e prometem muito. Prometem!


J. M. Straczynski a frente de Dr. Manhattan e Brian Azzarello escrevendo Rorschach e Comediante mostram ter potencial – lógico, quando se pensa em Comediante, o primeiro nome que se vem à mente é... Garth Ennis. Mas Azzarello tem totais condições de conduzir bem a história do personagem mais interessante da série.

Na minha opinião, já que é para mexer, que tal um Watchmen 2? Uma continuação direta do que aconteceu lá atrás, em 1985, para agora, em 2012. Acho que seria melhor.

Lembro-me de ter lido um livro do Gian Danton, onde ele dissecava a minissérie e apontava um caminho. Esse caminho poderia tranquilamente acontecer, até porque hoje tudo é diferente e se lá atrás, a URSS era o “inimigo”, hoje ele é outro – e não, não é o Taliban, e sim o Irã. Mas veja, eu não acredito nisso de forma real, mas sim, seguindo um caminho de Watchmen.

Até porque, como entretenimento, Watchmen está sujeita a ter continuações e spin-offs, já que tudo não passa de produto de mercado. E produtos de mercado são criados para darem lucro. Ninguém faz nada para perder dinheiro, nem simplesmente por amor.

Indo nessa direção, li no Actions & Comics alguns comentários feitos por profissionais da área – dos quais, os que mais gostei foram de Gerry Conway e Peter David. Peter David aliás, é puramente realista e entendido naquilo que diz.

Alan Moore também já deu suas opiniões, assim como sua filha e o artista Dave Gibbons.

Para conferir tudo isso que eu escrevi acima, clique aqui, aqui e aqui.

No mais, é isso. Que venha Before Watchmen.

Afinal, se o visionário Zack Snyder pode, por que eles não..?






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A ARTE DE JOSÉ LUIS GARCÍA-LÓPEZ

ELLEN ROCHE COMO LARA CROFT

ME SENTINDO COMO VAL KILMER - 2