CONTRA A PAREDE, O QUE PODEMOS FAZER?

Todo motivador diz que cada vitória, pequena ou grande, deve ser saboreada.

E que devemos fazer um balanço de nossas vidas, sempre, em busca de acertos e erros - e por conseguinte, tentar errar menos na próxima!

Mas muitas vezes, nos vemos diante do desconhecido. Sem armas, palavras ou forças. Apenas nós e essa sensação de "gato morto" no estômago.

Esse ano foi assim para mim - bom ainda está sendo. Não terminou.

E se voltar no tempo, 2009 também o foi. E 2008. 2007. E os últimos dez anos. E dá para retroceder mais ainda.

Tudo o que temos são nossas vontades, determinação, perseverança e continuidade. Aliás, muitas vezes nem temos motivos para continuar... e continuamos.

Diante do desconhecido, só há aquela vontade de prosseguir.

Motivação é o que nos faz levantar da cama.

É o que faz o anel do Lanterna Verde funcionar.

O Surfista Prateado [na fase de Stan Lee - a melhor e beeem antiga], mesmo preso na barreira invisível imposta por Galactus para que ele nunca deixasse a Terra, não cair em depressão, já que praticamente chorava de saudade de seu lar, Zenn-La, e sua amada Shalla Ball.

É o que faz o Homem-Aranha continuar, mesmo perdendo o Tio Ben, a Gwen Stacy e não sei mais quem.

Bem, você já entendeu.

É que, bem, às vezes, principalmente quando somos jovens, dizemos que se tivéssemos tal poder, faríamos variadas coisas. E hoje, na idade adulta, quando enfrentamos certas encruzilhadas que a vida põe em nossos caminhos, tudo o que fazemos é pensar em entregar os pontos.

Meus últimos cinco anos não foram fáceis. Lutando dia após dia, matando leões para manter a cabeça fora d'agua. E muitas das vitórias aconteceram pela ajuda de amigos.

Mas olhando também para esse caminho percorrido, posso dizer que valeu a pena. Porque as vitórias são notáveis.

Eu disse para uma amiga que só li cinco livros em toda a minha vida e, dependendo de alguns resultados, talvez eu ainda não teria o Ensino médio completo. Bom, era brincadeira; li um pouco mais de cinco livros. Mas o Ensino Médio eu consegui concluir.

E para mim foi uma puta vitória. Sério!

Mas pararei por aqui. O papo tá meio chato.

Em 2011,a coisa será melhor. Assim como 2010 foi melhor que 2009.

Abraço! E espero você por aqui.

Comentários

NiponCosplay disse…
Essa é, na minha opinião, uma das maiores dádivas de viver... matar leões, superar barreiras, conquistar, mesmo quando tudo o mais lhe parece hostil e adverso. Muitas vezes, mesmo sem se dar conta, nós mesmos ocasionamos situações que nos desafiem para que a existência não perca seu curso, seu sentido. Estuadr mais, mudar de emprego, de ares, de cidade... Acredite, se fosse fácil, não teria a menor graça! Continue a galgar seu caminho pacientemente, um passo depois do outro, e (isso é muito importante) quando as forças lhe faltarem, jamais se esqueça dEle. Nem dos amigos, é claro. Cinco livros... tsc, tsc. ¬¬'

Postagens mais visitadas deste blog

ELLEN ROCHE COMO LARA CROFT

A ARTE DE JOSÉ LUIS GARCÍA-LÓPEZ

ME SENTINDO COMO VAL KILMER - 2