CARROS USADOS, VENDEDORES PIRADOS

Você gosta de filmes como A Balada de Ricky Bobby; Apertem Os Cintos, O Piloto Sumiu; Corra Que A Polícia Vem Aí? 

Não? Então passe longe desse filme.
Agora, caso sim, esse é o filmaço! E é o meu tipo de comédia. Com diálogos nada a ver, um humor bem rasteiro, personagens caricatos e uma trama absurda. Porém, esses ingredientes fazem de Carros Usados, Vendedores Pirados um filme ainda melhor.

A trama é a seguinte: Jeremy Piven [de O Reino e A Hora do Rush 2 - cuja participação é fantástica] é uma espécie de supervisor free-lance de carros. Ele tem uma equipe de vendedores que fazem um verdadeiro arrastão de vendas por onde passam.
Numa cidadezinha do interior, um dono de estacionamento de carros usados está prestes a falir, caso não venda todo o seu estoque até o feriado de 4 de julho - dali a alguns dias.
Ele então tem a ideia de convocar o personagem de Piven e sua equipe para que utilizem seu "raio da morte" e façam seu estacionamento continuar vivo.

Dali em diante, você deve imaginar como as coisas acontecem.

O interessante é perceber que muitas das "estratégias" utilizadas nas vendas, claro, com certa distorção, são reais. Como o fato do cliente perceber as fotos da família na mesa do vendedor; a ideia do "evento" com DJ e bexigas; a venda final tudo isso pode ser utilizado em concessionárias. Quem já visitou ou trabalhou numa sabe do que estou falando.

É muito engraçada também a ponta de Will Ferrell - já que ele é um dos produtores.

Bom, se quiser se arriscar, poderá dar muitas risadas. Senão, fica a sugestão.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A ARTE DE JOSÉ LUIS GARCÍA-LÓPEZ

ELLEN ROCHE COMO LARA CROFT

ME SENTINDO COMO VAL KILMER - 2